Uma imagem apenas

Sobre as motivações da devoção, da Fé, do acreditar, de uma peregrinação não programada, de um não sei quê de sentimento, vontade, força e desprendimento das coisas comuns.
É preciso ter muita Fé, muita coragem, muita devoção, muito sofrimento para fazer o que este devoto, pelo que parece, fez.

Foto: Carlos Fidalgo
2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *