A igreja de São Gião e o povoamento na área da lagoa da Pederneira: do século V ao século XII (2ª Parte)

A igreja de São Gião e o povoamento na área da lagoa da Pederneira: (do século V ao século XII) [1] 2ª Parte Carlos Fidalgo[2] Pedro Barbosa dá a conhecer essa dificuldade quando refere que os «documentos alcobacenses que lhe dizem respeito são inexistentes até 1375 (e, logicamente, para o período em que a referida “peste” se faz sentir). Não colocamos de lado a hipótese de algum (ou vários) documentos referentes à quinta de São Gião ter desaparecido. Mas o mais verosímil é que nunca tenham existido no cartório de Alcobaça. E isto porque a quinta se situa (…) no termo da Pederneira, sobre qual Alcobaça tinha direitos senhoriais outorgados, pelos reis, mas cuja posse da terra lhe escapava.» BARBOSA (1992:52) Apesar de não termos conhecimento desses documentos pós 1375, uma vez que o autor não lhes faz referência, apenas podemos apresentar aqueles que, fruto da nossa investigação, nos chegaram…

0 Comments