Um soldado da Fortaleza de São Miguel

Deixamos mais um contributo para a história do Forte de São Miguel Arcanjo. Já não é o primeiro e, seguramente, não será o último que por aqui vamos colocando. Por agora, tomemos nota da existência de um natural de Regueira de Pontes, Freguesia de São Sebastião, Bispado de Leiria, de nome António Dias, casado com uma tal de Izabel Carreira. Exercia as funções de soldado na "Fortaleza de S. Miguel da Nazareth". Terá falecido no dia de Natal do ano de 1732 e foi sepultado no Adro. Fonte: ADLRA - Freguesia da Pederneira, Livro de Óbitos, 1732, f. 126v.

0 Comments

Um soldado francês

O assunto não é novo. O Dr. João António Granada, entre outros, aborda a temática no seu trabalho, "Nazareth, Pederneira, Sítio Praia - para a história da terra e da gente" (1996) mas achamos este registo, que o mesmo autor também nota, apesar de não o transcrever na íntegra, merecedor de divulgação.  Tudo isto sem prejuízo da grande quantidade de informação coeva sobre as Invasões Francesas nos registos paroquiais. Aqui fica o que se transcreve sobre a morte de um soldado francês: " Aos vinte e quatro dias do mes de Abril de mil outo centos e outo annos em o Hospital desta Villa da Pederneira freguesia de Nossa Senhora das Areias faleceu tendo recebido o Sacramento da Extremunção, e da Penitencia sub Conditione Baillaut* soldado Francês do Regimento N.º trinta e does do primeiro Batalham  digo do terceiro terceiro Batalham, e primeira Companhia, foi seu corpo sepultado Na Misericordia…

0 Comments